Assim começamos

A Escola Franciscana Nossa Senhora de Fátima (Fátima), fundada a 11 de fevereiro e 1960, tem sua história ligada ao contexto internacional da Congregação das Irmãs Franciscanas, que chegaram ao Brasil em 1872.

No ano de 1960, o Brasil acordava para a realidade da nova capital federal. O país estava em festa e as máquinas rugiam no Planalto Central para que uma nova cidade nascesse, trazendo esperança ao povo brasileiro.
   
Junto com esse sonho, antes mesmo da fundação de Brasília, outra idéia tomava forma: a construção de uma escola para oportunizar educação franciscana aos jovens e crianças que se encontravam no local do desenvolvimento da tão esperada nova capital. Para concretizar esse projeto, vieram do Rio Grande do Sul, a Brasília, cinco irmãs: Maria Mechtilde Schuster, Rósula Klockner, Jene Pedrotti, Maria do Rosário Guidoni e Maria José Bettin (primeira diretora). Pioneiras da nova comunidade, atravessaram o país para mudar a vida de milhares de pessoas de diferentes gerações. E o Fátima nascia antes de Brasília! O início não foi fácil para as Irmãs. Um barraco ao lado de uma árvore, que ainda existe, servia de abrigo para elas. O preparo do alimento era improvisado em fogueiras feitas do lado de fora da moradia. Por Brasília ainda estar em plena construção, mesmo depois de sua inauguração, faltava de tudo, mas nada podia minar o sonho das Irmãs de ajudar os que mais necessitavam, de fazer com que o conhecimento alcançasse a todos.